Liberdade Emocional


Todos os relacionamento são feitos de histórias, de momentos bons e momentos difíceis. Mas todos esses momentos, mostram-te o caminho a percorrer. São pequenas lições que num determinado momento da tua vida, vão fazer todo o sentido e vão encaixar-se como as peças de um puzzle. Toda essa experiência é acompanhada por estados emotivos. As emoções existem para te mostrar um caminho, para te mostrar que estás vivo, para te mostrar que vieste a este mundo também para sentir. Elas dizem-te: “Eu estou aqui. Olha para mim, porque eu existo e posso-te ensinar mais do que aquilo que aprendes nos livros.” A dor que também deriva desses estados emotivos é imprescindível. Amor também é dor. Uma dor que te permite observar o que está a acontecer. Aceitando a impermanência da vida, aprendes a deixar fluir essa mesma vida dentro de ti. Aprendes a Amar. Neste Amor não existe sofrimento. É cessado pela consciência maior, pelo observador que és. Amar é poderes apaixonar-te. É poderes fazer as maiores loucuras. É admirares uma flor. É abraçares. É seres abraçado. É permitires Ser e que os outros Sejam. É escreveres isto e perceberes que as palavras são insuficientes para descrever o Amor. O verdadeiro Amor, pois ele existe para todos nós. Ele reside em nós. Nós somos esse Amor!


Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square