OS HÁBITOS QUE NOS LIMITAM

Inúmeros são os pequenos hábitos que temos ao longo da vida. Cada um com o seu. Desde que nos levantamos até que nos deitamos, passamos por diversos padrões que fomos desenvolvendo ao longo do tempo. No fundo, treinámos para isso. Quando fazemos algo repetidamente durante um certo período de tempo, o hábito é instalado e torna-se um “sempre fiz assim”. Quando falamos dos momentos de dor, que nos atingem de uma forma persistente, esses mesmos também são hábitos. O hábito de estar triste. O hábito de estar ansioso. O hábito de estar deprimido. Existem especialistas para tudo. Contudo, fomos nós que criamos esse hábito através de um padrão repetido de pensamento. Através de uma determinada in

QUANDO TUDO ERA PERFEITO

Começámos a viagem livres, espontâneos, vivendo o presente, experimentando, descobrindo. A vida era maravilhosa! Tudo era vivido no único momento existente...o presente. Ao longo do caminho, algo se perdeu. Deixámos de ser naturais. De algum modo, aprendemos que não podemos ser genuínos. Que não nos podemos divertir. Que tudo tem de ser muito sério. Que só “somos alguém” se trabalharmos arduamente e estudarmos. E, continuámos a acreditar que para Ser era preciso Fazer. A viagem começou a perder a magia, a doçura, o mistério. As coisas começaram a ser mecânicas, até que num determinado momento, o esquecimento tomou conta de nós. Habituámo-nos a viver desta forma. Deixámos de estar em co

Publicações em destaque
Arquivo
Publicações Recentes