MUDA DE VIDA

“Muda de vida se não viveres satisfeito...” é assim uma das músicas que fazem parte do nosso quotidiano. No meio de todas as nossas escolhas, podemos mudar a nossa situação de vida, a forma como estamos a desempenhar os nossos papéis, ou mesmo alterá-los. Nós é que temos de estar no controlo do caminho e não o contrário. Inconscientes, não nos apercebemos que são os papéis que regem o nosso caminho. Como se estivéssemos presos, sem saída, limitando-nos a desempenhar as rotinas que tanto nos dão segurança. Será?! A ilusão de que estamos seguros é a nossa maior inimiga. Com “ela” temos dificuldade em vislumbrar algo mais, algo que nos faça sentido. É a aliada perfeita de todos aqueles que

REGRESSO A CASA

Somos nós que escolhemos o caminho a percorrer, pois sabemos que necessitamos de aprender algo que, de algum modo, não conseguimos fazer lá atrás. Como que um atleta que treina intensamente até alcançar o objectivo pretendido. E nesse momento, ele não vai deixar de treinar, não vai baixar os braços, porque sabe que quando o fizer, existirão outros que o vão superar. Na nossa vida, não se trata de competição, mas sim de auto conhecimento. Nós somos os mais importantes. Estamos em primeiro lugar. Não se trata de egoísmo, palavra esta tão banalizada. Quando nos colocamos em primeiro lugar, permitimo-nos olhar. Paramos e olhamos para dentro de nós. Tomamos consciência. Estamos a observar. Nós s

Liberdade Emocional

Todos os relacionamento são feitos de histórias, de momentos bons e momentos difíceis. Mas todos esses momentos, mostram-te o caminho a percorrer. São pequenas lições que num determinado momento da tua vida, vão fazer todo o sentido e vão encaixar-se como as peças de um puzzle. Toda essa experiência é acompanhada por estados emotivos. As emoções existem para te mostrar um caminho, para te mostrar que estás vivo, para te mostrar que vieste a este mundo também para sentir. Elas dizem-te: “Eu estou aqui. Olha para mim, porque eu existo e posso-te ensinar mais do que aquilo que aprendes nos livros.” A dor que também deriva desses estados emotivos é imprescindível. Amor também é dor. Uma dor qu

Publicações em destaque
Arquivo
Publicações Recentes